Prefeito Rippa chama vereador-médico de “covarde” e “fujão”

Rômulo ressalta que quando foi convocado a vacinar a população contra a Covid-19, Dr. Pedro Melo teria fugido

Publicado em 21/02/2021 15:16:27

Prefeito Rippa chama vereador-médico de “covarde” e “fujão”
O prefeito Rômulo Rippa: “Precisamos parar de se esconder e ter responsabilidade, principalmente quando temos função pública” Fotos: Marco Rogério

 

Marco Rogério

Uma polêmica está instalada entre o prefeito Rômulo Rippa (PSD) e o vereador Dr. Pedro Melo (PSL). O parlamentar, que é médico ortopedista, atacou Rippa na sessão da Câmara Municipal na última segunda-feira (15) e recebeu a devida resposta na manhã desta sexta-feira (19), quando  o prefeito participou de um programa de rádio na emissora de rádio Porto FM.

Dois pontos marcam a polêmica. O primeiro é a questão do chamado “Kit-Merenda”, alimentos, vale refeição ou recursos no valor de R$ 55 mensais que as Prefeituras da região estão repassando as famílias dos estudantes matriculados nas redes municipais de ensino. O parlamentar Dr. Melo criticou duramente a secretária municipal de Educação, que, segundo ele, não estaria cumprindo a lei do Kit-Merenda.

Em sua resposta, Rippa afirmou que Dr. Melo estaria sendo “oportunista”.  Segundo ele, sua gestão rompeu com uma tradição de clientelismo, onde as políticas públicas eram feitas na base do “toma-lá-dá-cá”, onde a Prefeitura transformava seu dever de atender a população em “favor”, que exigia contrapartida. “No governo meu e do Dr. Saldanha Cougo não tem isso. É direito do cidadão. Sem barganha.  Ao invés do Kit-Alimentação estamos, através da Secretaria de Desenvolvimento Social, atendido só em2021 foram 469 famílias atendidas. É um número muito considerável. Nossa torcida é que as pessoas não precisem da assistência. Infelizmente elas precisam. E tem recursos para isso, tem organização para isso. È por isso que não tem a história da merenda. A cesta básica é mais completa do que os R$ 55 que algumas prefeituras estão dando. Sou contra dar o dinheiro. Sei que prefeitos da região me contaram que os R$ 55 não eram gastos com a criança, mas sim na pinga do bar e no crédito do celular. No nosso caso 469 famílias foram acompanhadas pelo serviço de assistência social”, explica Rippa.

A outra celeuma entre o prefeito entre o prefeito e o parlamentar é mais séria e muito mais grave. Na tribuna da Câmara Municipal, Dr. Pedro Melo lamentou a morte de 63 ferreirenses por Covid-19 e disse que se estes pacientes passassem pelas suas mãos ele teria salvo pelo menos metade. Disse ainda (contrariando todo os especialistas) que existe tratamento preventivo para o novo coronavírus.

De acordo com o prefeito Rippa, o parlamentar falou “asneiras” e foi “covarde”. “Hoje temos na cidade muita gente valente. Dizendo que se fosse ele o médico que atendeu os 63 pacientes, nenhum deles teria morrido. Eu ouvi isso esta semana de um médico que infelizmente no atual momento não tem nem o respeito por estas famílias e fala uma asneira destas, ainda mais da tribuna da Câmara Municipal. A tribuna que eu tenho é o microfone da rádio. Isso é um ato de  covardia”, desabafou o prefeito.

Rippa foi além. Disse que quando foi convocado pelo Município para trabalhar na vacinação contra a Covid-19, o médico (que atua na rede municipal de saúde) simplemente “fugiu”. Além disso, ele critica o fato de Dr. Pedro Melo ter se negado a receber a vacina. “Ao longo destes 11 meses de pandemia, eu convoquei este médico par atender os pacientes com Covgid-19 e ele fugiu, ele se esquivou. Ao longo destes 11 meses, eu sempre abri a porta para fazer as coisas em parceria. Sou maior que qualquer diferença. Sempre que necessário pelo povo de Porto Ferreira ou maior que qualquer diferença. Agora o covarde diz que se os 63 pacientes não teriam morrido se tivessem passado pela mão dele. Pois não, meu amigo, meu senhor! Vai lá, toma a vacina, que o senhor não quis tomar! Fique imunizado e vá para a linha de frente. Como muitos amigos meus médicos estão no pronto socorro atendendo pacientes, que estão nas unidades de saúde atendendo pacientes. Que estão olhando nos olhos destes pacientes e não atendendo por whatsapp. Atenda estas pessoas. Vá lá, coloque seu CRM, assine o receituário, indique os medicamentos que julgar necessários. Não se esconda do sue juramento de profissão. Tome a vacina, se imunize. Vem falar para mim se não sabe se a vacina é boa. Se a vacina não é boa porque não faz um pronunciamento conclamando o povo para não tomar a vacina. Precisamos parar de se esconder  e ter responsabilidade, principalmente quando termos função pública. Porque é isso que o voto nos impõe”, conclui o prefeito.

 

O vereador-médico Dr. Pedro Melo:  ele afirma que teria salvo pelo menos metade das vítimas fatais da Covid-19 em Porto Ferreira

Fotos

Comentários

Últimas notícias

Página 1 de 192