Facilitações em negociações de dívidas são pedidas na sessão

Vereador Élcio Arruda solicitou que seja dada isenção de multas e juros para contribuintes com dívidas

Publicado em 14/08/2019 20:22:28

Facilitações em negociações de dívidas são pedidas na sessão
Élcio Arruda discursa sobre seu requerimento na sessão - divulgação

O vereador Élcio Arruda (MDB) apresentou, na sessão de segunda-feira (14/08), o Requerimento nº 285/2019 que solicita informações a respeito da isenção de multas e juros para contribuintes que possuem dívidas com a Administração Municipal.

Segundo o parlamentar, esse assunto já esteve presente em matéria anterior de sua autoria. “Estive novamente em conversa com o senhor prefeito e ele me relatou que a Secretaria de Finanças estaria estudando essa possibilidade devido à grande quantidade de pessoas que, infelizmente, se encontram nessa situação de débito.”

Os munícipes em débito não deixam de pagar porque querem. “Sabemos da crise econômica que o país atravessa atualmente e a pessoa quer honrar seu compromisso, mas acaba não conseguindo devido a outros compromissos, por estar desempregada”, pontuou Élcio Arruda.

O parlamentar disse também que é procurado por moradores buscando apoio da Câmara. “A pessoa, como eu já disse, que honrar seus compromissos, quer fazer seus pagamentos, mas, infelizmente, não está conseguindo. Então, conto com o apoio de todos os senhores vereadores para subscreverem esse requerimento”, salientou o vereador.

Com essas facilidades será possível trazer receita para o município. “Esperamos, além de aumentar a arrecadação, também favorecer essas pessoas que se encontram em débito com a municipalidade”, concluiu Élcio Arruda.

O vereador Alessandro Bertazi (PSDB) parabenizou Élcio Arruda pela iniciativa. “Várias pessoas vêm procurando não só você como os outros pares aqui da Câmara em busca de um apoio da Câmara Municipal para que faça essa isenção de juros”, relatou o parlamentar.

Ele também apontou que o desemprego e a situação econômica do país são os motivos que levam os munícipes a não realizarem o pagamento. “Seria mais uma oportunidade, tendo em vista tudo isso que está acontecendo no país, de as pessoas de bem acertarem os débitos com a Prefeitura Municipal. Quero subscreveu o documento e parabenizar a iniciativa do senhor”, finalizou Alessandro Bertazi.

O presidente da Câmara, vereador Gustavo Braga (PTB), também falou sobre o assunto. “Nós fizemos uma indicação há dois anos, tinha sido um pedido do vereador Francisco Pereira (MDB) também, e o prefeito enviou para a Câmara o projeto. Nós aprovamos e na própria matéria ele deu crédito falando que nós tínhamos pedido”, informou o presidente.

“Muita gente acaba ficando descontente, alguns bons pagadores, porque paga certinho e depois o outro que não paga tira juros, tira multa e é beneficiado. No entanto, ninguém deixa de pagar porque quer”, ressaltou Gustavo Braga.

Para ele, o bom pagador também deve ter um desconto. “Mas tem que serem feitas essas isenções. Entra dinheiro para os cofres público e com essas verbas dá para fazer melhorias. Espero que ainda dê tempo de fazer esse ano. Tenho certeza que chegará à Câmara e será muito bem-vindo, porque é um benefício para a população”, concluiu dizendo que irá subscrever a matéria.

O requerimento foi aprovado pela maioria dos vereadores, constando a ausência do vereador Alan João (PSB). A solicitação segue para o Poder Executivo dar a resposta.

Por Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Porto Ferreira

 

Comentários

Últimas notícias

Página 1 de 165