Crianças morrem após incêndio em residência no Cidade Aracy II

Uma cadeirante que seria avó das vítimas fatais e um homem, que seria o tio, foram socorridos em estado grave

Publicado em 03/02/2021 07:56:35 | Por: PORTAL JORNAL PRIMEIRA PÁGINA

Crianças morrem após incêndio em residência no Cidade Aracy II
A morte das crianças comoveu os bombeiros, que se ajoelharam e rezaram por elas - FOTO: jean guilherme

 

Crianças morrem após incêndio em residência no Cidade Aracy II Fotos: Jean Guilherme

Duas crianças, sendo um menino de 1 ano e 8 meses e uma menina de 4 anos de idade, morreram na manhã desta terça-feira (2), após um incêndio em residência no bairro Cidade Aracy II.

Além das vítimas fatais que não eram moradoras do imóvel, duas pessoas ficaram gravemente feridas, sendo uma cadeirante e um homem, moradores da residência e que seriam a avó e o tio dos menores.

Segundo o apurado em entrevista, junto ao Capitão do Corpo de Bombeiros de São Carlos (SP), Rangel Moreira Gregório, toda a ocorrência chegou ao conhecimento de sua corporação, após uma solicitação via 193 realizada junto ao COBOM (Centro de Operações do Corpo de Bombeiros), onde na ocasião, apenas foi informado ao atendente que realizou o despacho das viaturas, que um incêndio estaria ocorrendo junto a uma residência, na Rua Secundina de Paula Passador.

Na chegada ao local dos fatos, os militares que compunham uma viatura ABE (Auto Bombas Escada), AT (Auto Tanques), além da UR (Unidade Resgate), se depararam com equipes do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e também da Polícia Militar, realizando o resgate de vítimas, onde foi prestado os atendimentos aos feridos, que de imediato foram encaminhados para unidades hospitalares do município, devido a queimaduras e também a inalação de grande quantidade de fumaça.

“Infelizmente duas vítimas, duas crianças a princípio asfixiadas com a fumaça, segundo as primeiras informações que nos chegam, foram retiradas do imóvel com vida e socorridas, mais infelizmente elas não conseguiram suportar e vieram a óbito”, ressaltou o Capitão Gregório, durante entrevista ao Portal do Jornal Primeira Página. “As duas crianças estavam deitadas, as duas nas camas no interior do quarto no momento da nossa chegada”, finalizou.

Ao finalizarem o combate e lograrem êxito na extinção das chamas, foi realizado um trabalho de rescaldo, e após um momento de oração por parte dos militares do Corpo de Bombeiros, contando com a participação de militares do policiamento, populares e membros da imprensa que registravam o fato, devido ao falecimento das crianças vítimas de tal ocorrência.

Todo o imóvel foi isolado e preservado pela Polícia Militar, até a chegada da Polícia Técnico-Científica, que realizou os procedimentos necessários de perícia técnica junto ao imóvel destruído, onde no interior do quarto do fundo da residência, durante as intervenções feitas, foram encontrados e apreendidos, R$ 15,00 em dinheiro, entre notas e moedas, além de 07 eppendorfs com cocaína, 10 pedras de crack.

Em conversa com a nossa reportagem, o Major Helder, Subcomandante do 38º BPM/I (Batalhão da Polícia Militar do Interior) que também esteve presente no local, ressaltou que um levantamento de informações já está sendo realizado, a fim de auxiliar nas investigações sobre o ocorrido, onde até o momento, não se pode afirmar se o ato foi ou não criminoso.

O caso foi apresentado junto ao 2º DP (Distrito Policial) na Vila Prado, onde foi realizado o registro da ocorrência, que deverá ser investigada pelo policiamento judiciário.

Comentários

Últimas notícias

Página 1 de 192